Oito pontos valorizados por clientes ao contratar serviços advocatícios

Além de competência técnica, clientes analisam experiência e bom relacionamento com escritórios

O escritório de advocacia é uma empresa, um negócio, e, como tal, só pode existir se tiver clientes. Portanto, é necessário entender o que o público-alvo valoriza ao contratar esse tipo de serviço para assegurar os elementos que definem a tomada de decisão.

Do contrário, a preferência será dada aos concorrentes, e a competição no segmento jurídico está cada vez mais acirrada.

Um bom ponto de partida é entender que competência técnica não é o único fator relevante no mercado. Ter um diploma, mesmo que de uma faculdade de prestígio, não garante a escolha do público.

Além disso, experiência e bom relacionamento são fatores fundamentais para estabelecer laços com atuais e novos clientes. Alguns pontos se destacam na busca por esses objetivos e devem ser tomados como referência no desenvolvimento do escritório:

Confiança

O cliente somente escolherá determinado escritório de advocacia se confiar que a equipe será capaz de alcançar a melhor solução para o seu caso. Nesse cenário, o currículo do advogado tem peso, mas não se trata apenas de formação teórica, de especializações. As experiências anteriores colaboram muito para fechar contratações.

Em outras palavras, o cliente valoriza saber que o advogado já teve sucesso em processos similares. Por isso, muitas pessoas se baseiam na recomendação de amigos que já enfrentaram a mesma situação para escolher um profissional da área. A tradicional indicação ainda está entre os principais sinais de conquista de credibilidade.

Sinceridade

O advogado tem o compromisso ético de ser sincero com o cliente, informando abertamente quando o caso não for viável. Essa postura, entretanto, é mais do que uma obrigação, também é uma maneira de conquistá-lo.

Quando o profissional ou o escritório de advocacia aconselha a não seguir uma causa adiante, evita os efeitos negativos e a frustração de uma sucumbência, deixando claro que tem os interesses do cliente acima dos seus. Dessa maneira, é altamente provável que ele os considere para orientá-lo e representá-lo em lides futuras.

Comunicação

O cliente prefere escritórios de advocacia que desenvolvem uma comunicação eficiente e proativa. Na prática, isso significa que deseja ser atualizado sobre o seu caso.

Se entrar em contato pedindo informações, quer recebê-las de maneira ágil, objetiva e precisa, mas mesmo que não tome a iniciativa, gostará de tomar conhecimento da situação periodicamente.

Para estabelecer comunicação eficiente com o cliente, o software para advogados é muito útil. A ferramenta centraliza todas as informações dos processos conduzidos pelo escritório de advocacia. Basta uma simples busca para localizar um, em específico. Assim, fica fácil atualizar qualquer cliente, a qualquer momento, sobre o seu caso.

Linguagem

Quando uma pessoa tem um processo em andamento, a última coisa que ela quer é não entender o que está acontecendo. Infelizmente, isso por muitas vezes ocorre, pois a linguagem dos advogados é repleta de termos técnicos e jargões jurídicos incompreensíveis aos leigos.

É preciso desmitificar a ideia de que um vocabulário complexo impressiona. Na realidade, o “juridiquês” afasta advogados dos clientes, que valorizam o profissional do Direito capaz de explicar seu trabalho em linguagem acessível e de maneira didática. Assim, sentem-se mais tranquilos e seguros em relação ao andamento do processo.

Atendimento

A maneira como o cliente é atendido no momento em que procura um escritório de advocacia influencia definitivamente na imagem que faz da empresa e, claro, sua escolha por contratá-la ou não. Oferecer um atendimento diferenciado não é tarefa tão difícil quanto muitos pensam.

Os principais segredos para um ótimo atendimento são personalização e humanização. Ou seja, deve-se enxergar os clientes, antes de tudo, como pessoas. Assim, é preciso pautar a maneira como eles são tratados em valores básicos, como respeito e consideração.

Não deixar o cliente esperando por muito tempo, escutar com atenção e responder a todas as suas preocupações e dúvidas, sem tratá-las como irrelevantes, e não cancelar reuniões de última hora são atitudes básicas que agregam valor ao atendimento.

Outra recomendação é fazer com que o cliente se sinta especial, organizando eventos exclusivos com temas de seu interesse e enviando felicitações, por telefone ou e-mail, e brindes em datas especiais, como aniversários, Natal e Ano Novo.

É claro que dedicar mais atenção aos clientes significa tomar um tempo já escasso no dia-a-dia dos advogados. Por isso, é importante contar com ferramentas como o software jurídico para realizar tarefas burocráticas e mecânicas, de maneira que outras atividades importantes possam ter prioridade.

Organização

Organização é um traço frequentemente associado a profissionalismo. Se um cliente entra em um escritório de advocacia e encontra mesas bagunçadas, caixas, documentos e suprimentos de escritório espalhados por toda a parte, terá a impressão de desordem e é menos provável que escolha contratar esse escritório.

Manter o ambiente de trabalho organizado é indispensável. Essa missão também fica mais fácil se o advogado contar com a tecnologia, substituindo boa parte dos documentos físicos por arquivos digitais e agilizando o andamento das atividades em uma plataforma moderna e automatizada.

Presença na internet

Antes de escolher um escritório de advocacia, o cliente pesquisa sobre ele e, na maioria das vezes, o faz por meio da internet. Em geral, escritórios que têm presença forte na internet são valorizados porque facilitam o esforço de pesquisa do público de interesse.

O escritório precisa contar com um website, que informe adequadamente suas especialidades de atuação. Publicar conteúdo sobre Direito no website também é uma boa prática, que demonstra a expertise dos advogados. Vale a pena, ainda, criar perfis nas redes sociais, pois são canais que funcionam em duas vias: o escritório pode publicar conteúdo e os visitantes da página podem interagir.

Tecnologia

Na visão da maioria das pessoas, empresas que adotam tecnologias recentes são mais eficientes e capazes de gerar resultados superiores. Essa ideia também se aplica aos escritórios de advocacia e é levada em consideração pelos clientes na hora de contratar os serviços.

No entanto, não basta adotar tecnologias para criar uma imagem de modernidade. É preciso investir em soluções que realmente façam diferença. O uso do software jurídico, que otimiza e promove uma gestão integrada dos processos, garante mudanças significativas na rotina, dando um salto de qualidade nos serviços prestados.

Retornos como esse devem ser levados em consideração ao escolher um sistema tecnológico.

Tomando como base esses oito pontos que transitam sob a expectativa dos clientes, é possível destacar o escritório de advocacia frente à grande concorrência do segmento e conquistar mais oportunidades de negócios.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here